quarta-feira, 1 de outubro de 2014

Uma péssima gestão de negócios

Eis que, até o presente momento, nada mais se falou sobre o dinheiro que os chineses ficaram de depositar para o Avaí. Todos os prazos dados pelo clube expiraram e até o dia de hoje não caiu um mísero centavo na conta do clube, o que demonstra uma péssima gestão de negócios dentro do departamento responsável do clube.

Pra que não lembra, o Avaí fechou o patrocínio master com uma empresa chamada ICT, um braço no Brasil da chinesa Jingjong. Disputou várias partidas com o tal logo da ICT estampado bem grande na frente da camisa, o que ninguém poderia acreditar é que fez essa besteira sem ter recebido nada além de promessas da chinesada.

Essa semana informações vindas de Balneário Camboriú deram conta que um alto executivo da JingJong anda visitando algumas imobiliárias atrás de terrenos para aquisição, para, dizem, a construção de alguns empreendimentos. Será que teremos o novo CT do Avaí lá em Camboriú?

Uma coisa que não consigo entender, como é, ou melhor, quem foi que fez esse baita negócio? Por que pô, se dá pra estampar uma marca na camisa do Avaí só na base da promessa de pagamento, bóra colocar ali a logo da Barraca do Alemão ou do Bistrô do Adão então. É muito amadorismo.

Dinheiro mesmo até pingou, coisa de um milhão e uns quebrados referentes aos terrenos (inclusive um destes terrenos, fica do lado direito na Diomício de Freitas sentido centro-aeroporto. Opa, pera aí, aquilo ali não é dentro da área protegida do manguezal?) que foram adquiridos para a construção do acesso ao novo terminal do Aeroporto, porém, o que pingou foi pouca coisa, ainda falta muitoooo dinheiro entrar.


De nada vale tentar ajudar aqueles que não se ajudam a si mesmos.(Confucio)

Continue lendo >>

segunda-feira, 29 de setembro de 2014

Vitória com sabor de derrota

Resultado bom somente na tabela
Vencemo o jogo contra o BOA, um resultado que todo torcedor já esperava, ainda mais após aquele tropeço diante do Paraná. A vitória era obrigação, afinal, o Avaí tem mais time que o BOA. Dito e feito, fomo e vencemos, mérito para o elenco.

Preconceito aqui não!
VERGONHOSA a atitude do jogador Antônio Carlos do Avaí, se realmente confirmada que o zagueiro avaiano preferiu ofensas racistas a um jogador do BOA. Não sou hipócrita em dizer que no futebol a gente não perde a cabeça, fala uns palavrões e tal, porém, há de se ter limites.

Injúria racial é crime previsto em lei e se comprovado que o zagueiro avaiano ofendeu o jogador do BOA desta forma, o Avaí, pelo menos em uma atitude sã e lúcida, demonstrando que não é esse time pequeno e mal administrado, deveria simplesmente desligar Antônio Carlos do clube. Sim, desligar, encerrar seu contrato por justa causa. Se Antônio Carlos permanecer no clube, o Avaí estará sendo complacente com a atitude do zagueiro, que com certeza definitiva, não é a postura da instituição nem de sua torcida. 

Homenagem bacana, mas e as ações?
No jogo de sábado vimos faixas em memória do torcedor João Grah, assassinado numa emboscada covarde na semana passada. Foi respeitado um minuto de silêncio e o time do Avaí entrou de branco. Valeu a homenagem, porém, a família do torcedor, a torcida do Avaí e a sociedade como um todo querem ações. Cabe ao Avaí de imediato proibir a entrada de qualquer torcida organizada em seu estádio em sinal de respeito a mais um torcedor assassinado. Cabe a MPSC a extinção completa de todas as organizadas no Estado. Quantas vezes ainda teremos que velar nossos irmãos até que alguém tome uma providência definitiva para por fim a essa selvageria?

Foto: Premiere F.C.

Continue lendo >>

quinta-feira, 25 de setembro de 2014

Quando teremos um BASTA?

Bandidos, marginais. Assim defino aqueles "torcedores" que armaram uma tocaia a um micro ônibus que trazia torcedores (estes, sem aspas) do jogo em Curitiba na última terça-feira. O ataque criminoso culminou com a morte do torcedor João Grah, vítima de pedras lançadas de um viaduto na BR-101. 

Já venho batendo na tecla das torcidas organizadas a muito tempo, para mim, são em sua maioria, marginais, gente sem educação, sem noção e que acreditam ter algo para provar, para eles mesmos.

A muito, a torcida organizada já deturbou o amor pelo time por um amor narcisista pela própria torcida, onde ficar bêbado e arrumar briga, roubar, ofender, matar são as palavras de ordem nesse antro de selvagens sem coração. Jovens em sua maioria, que precisam se adequar a algum tipo de grupo social, e veem nas organizadas, um lugar com pessoas mais velhas, mas não mais inteligentes, e nestes se espelham. Não são homens, não são torcedores, são covardes que agem em grupo, pois sozinhos, são apenas vagabundos sem coragem.

Não tenho as estatísticas, mas quantos torcedores já perdemos nestes últimos anos? Quantos mais perderemos até que alguma coisa seja feita. Acredito que cabe ao MPSC, se coçar, fazer valer o dinheiro que pagamos de impostos, e que sustenta a máquina pública e agir. É hora de SC ser exemplo para o Brasil e extinguir todas, eu disse todas, as torcidas organizadas do Estado. Camisas de torcida, bandeiras, rojões, ingressos subsidiados pelos clubes, tudo isso tem que acabar. A torcida deve ser composta de pais de família, crianças, idosos, mulheres, torcedores, e não de meia dúzia de marginais com meia dúzia de gritos que exaltam em sua maior parte a torcida e não o clube.

Quanto ao Avaí, essa mãe que sempre amparou as organizadas, fazer um minuto de silêncio pelo jovem João, chega a ser um insulto a mim, a torcida e principalmente aos familiares. Eu não quero um minuto de silêncio, eu quero uma vida sem violência. Acredito que o Avaí, não deve temer represálias de um pequeno grupo de marginais, o Avaí não são eles, e nem aqueles 300 que o ZZZunino adorava se gabar, o Avaí somos todos nós.

O Avaí tem poderes para proibir a entrada de qualquer torcedor trajando uniformes de torcidas organizadas em seu estádio, e deveria fazê-lo. Deveria inclusive, em respeito ao jovem torcedor assassinado, fechar os portões para a torcida do Joinville (principais suspeitos) no próximo jogo em sinal de respeito ao João. Não serão dez ou quinze mil reais na venda de ingressos que irão quebrar o já capenga departamento financeiro do Avaí.

Quantos outros Joãos teremos que enterrar?

Foto: Charles Guerra

Nota do Blogueiro: A Polícia de Itajaí já identificou os assassinos do torcedor avaiano, tratam-se de integrantes da Fúria Marcilista, e não do time do Joinville como informamos acima)

Continue lendo >>

quarta-feira, 24 de setembro de 2014

Um tropeço no caminho

Jogou melhor mas não soube aproveitar
Pelo pouco que vi do jogo, vi um Avaí jogando bem melhor que o Paraná de jogadores com salários atrasados. Criou mais, teve mais posse de bola, empolgou mais. No entanto acabou cedendo o empate ao time paranaense numa falha da zaga no apagar das luzes.

Ainda na semana passada, havia comentado com o Assis e o nobre André "Nigela Naison" Tarnowsky que teríamos três jogos na sequência e que teríamos condições de vencer os três. Mas ao que parece, esqueceram de explicar isso ao time do Avaí. Empatar fora de casa pode até ser um bom resultado em determinadas ocasiões, mas não empatar com o Paraná né...

Alguns "pontos pontuais"
Marquinhux - Tá jogando bola de novo, nada a ver com o fato do salário ter pingado na conta, imagina, apenas estava sem ânimo de jogar e resolveu jogar de novo.

Bocão - Tem que pegar as segundas, quartas e sextas-feiras e por ele pra cruzar bola na área das 08:00 às 16:00 porque esses cruzamentozinhos dele aí de derrubar anão não tão dando!

Diego Jardel - Tenho que lembrar de pegar o contato do empresário dele, porque p&* que o p$$%!! o cara se arrastou em campo e ainda consegue vaga pra jogar? Eu nem levava na viagem.

Eltinho - Visivelmente fora de forma e fora do rip, não dá pra jogar bola ainda pelo Avaí. Já chegou faz tempo, anda fazendo o que lá na Ressacada, porque treinar eu sei que não é!

Quem é Diego Viana?
O nobre leitor Daniel Beduschi, lá de Camboriú, leitor assíduo aqui do RA me perguntou ontem se Diego Viana é tão ruim ao ponto de nem ser escalado. Confesso que ao ouvir o nome nem soube dizer quem era.

Sem terra arrasada
Perdemos sim, o time do Paraná é fraco, tínhamos a obrigação de vencer, Geninho mexeu mal no time, mas ainda estamos no G4, só não podemos dar bobeira. O próximo adversário é o BOA, quinto colocado na tabela, não há outro resultado aceitável a não ser a vitória.

 Foto: Agência O Estado

Continue lendo >>

segunda-feira, 25 de agosto de 2014

Feijoada indigesta

Empate apático
É rapazi, chegou-se a cogitar uma maldição da Feijoada, no entanto, mas o fato é que o Avaí já venceu sim em dia de feijoada, em dia de carreteiro, até em dia de pirão com linguiça. Mas ver aquele time apático empatar com o Santa Cruz foi dolorido. Parece até que alguém contrabandeou uns marmitex de feijoada pros jogadores, porque pareciam não querer jogar, o cansaço tomou conta. Esses pontos são aqueles que farão falta lá na frente.

Sábado tem jogo fora de casa
E não é qualquer casa, iremos a São Januário enfrentar o Vasco da Gama, time do meu querido Jóia lá da Praia da Pinheira. Deixamos de pontuar em casa e agora vem a necessidade de vencer fora. Espero que o almoço dos rapazi seja salada e peixe, coisa leve...

Para este jogo Geninho não poderá com Dom Marquitos, suspenso, e é aí que mora o perigo, uma vez que o DM avaiano liberou Eduardo Costa para jogar. EC que não vem bem (já tem tempo) é um jogador lento, que não tem na criação de jogadas seu cartão de visita. Diego Jardel que entrou no último jogo é outro que também não convence ninguém, então Geninho terá aí um problema para resolver até sábado.

Geninho sem meias palavras
Geninho deu entrevista essa semana e disse que André Santos não interessa ao Avaí que ele comanda, além do alto salário o jogador não vem rendendo nada jogando na lateral, então trazê-lo seria um desperdício de dinheiro que o clube nem tem (o grifo é por minha conta).
Não se fez de rogado e disse pra quem quiser ouvir que André Santos não tem vaga no Avaí que ele comanda. E é bom lembrarem a alguns cartolas avaianos que quem manda no time é o treinador!

Foto: Avaí F.C.

Continue lendo >>

  ©Resistência Avaiana - Todos os direitos reservados.

Modificado por MTblogger | Template by Dicas Blogger | Topo