terça-feira, 5 de maio de 2015

O clássico dos clássicos

Clássico pela Copa do Brasil
Realmente não sei o que esperar para este clássico, a muito tempo nem ouço falar que o Avaí está treinando firme. Nossa última partida foi no dia 14 de Abril contra o fraco time de Várzea Grande também pela CB. Verddade seja dita, o Avaí não conseguiu eliminar o jogo no Mato Grosso, precisou de dois jogos para despachar um time semi amador...

Sem mais amadorismo por favor!
Estão a disposição do treinador Gilson Kleina os jogadores Romário (quem???), Adriano, Rudnight e Juninho. Segundo consta na mídia, os mesmos já estão inscritos no BID e podem atuar contra o alvirosado do Estreito. No entanto, é bom o jurídico dar uma olhada boa na situação desses atletas. Se realmente estão inscritos, se a data de nascimento está correta, se já não atuaram por outro time nesta competição, essas coisas, obrigatórias em um time descente.

A MAIOR DE SC
Uma coisa é certa, vai faltar lugar na Ressacada nesta quarta-feira para a MAIOR TORCIDA do Estado, como disse o sapão barbudo esses dias. Clássico é clássico e vice versa, e a torcida avaiana vai lotar a Ressacada. A festa nas arquibancadas está garantida, espero que o time jogue a altura.

De olho na bandidagem
Pena que o Avaí é tolo, porque eu se trabalhasse lá teria espalhado câmera até dentro do mictório pra flagrar, denunciar e abrir processo contra aqueles maloqueiros travestidos de torcedor que no último clássico quebraram tudo por aqui. Mas conhecendo a atual diretoria, nada foi feito e nada será, pode anotar, o Avaí vai ter prejuízo, de novo.

Qual o time?
Eis a dúvida do torcedor, com que time Gilson Kleina irá jogar? Será que ele irá colocar os novos "reforços" ou vai com aquele time pirão d'água que jogou contra o Operário?

A situação do Avaí ainda é caótica, temos um time fraco, mal gerenciado e que quase na metade do ano ainda na metade do ano não convenceu ninguém.
Tá certo que o clássico tem um apelo diferenciado, porém, temos que lembrar o seguinte, se alguém for entrar pra dar o sangue pelo time, esse alguém será somente o galego da Serraria, os demais não tem esse amor todo pelo clube a ponto de passarem de um futebol medíocre para um futebol de excelência.

Meu palpite? 2x1 Avaí.

Foto: Internet

Continue lendo >>

sexta-feira, 1 de maio de 2015

Estróva Kiridu - V.17

Continue lendo >>

quinta-feira, 30 de abril de 2015

A velha cortina de fumaça avaiana

Eis que, o assunto que toma conta da internet, e principalmente de uns grupos de whatsapp que faço parte é o tal onx do Avaí. É nego dizendo que tá lindo, que tá maravilhoso, que tá sensacional, que o Avaí é f* em ter essa iniciativa (falta o entendimento da palavra iniciativa a alguns...), que tudo tá lindo e maravilhoso.

Como diria um badeco meu, Da onde né jogador???

Essa administração vem com as mesmas artimanhas da administração passada, mestre em desvio de foco. Herança maldita.

Nós estávamos brigando no quadrangular da morte até ontem pra não cair pra segunda divisão do Catarinense, não temos um elenco descente, só ouvimos especulações sobre contratações, não temos patrocinador mastes, ninguém sabe quem engrupiu a grana da ICT, se é que eles pagaram, escalamos jogador irregular e ninguém foi punido, temos um Conselho Decorativo omisso e mandrião, mas tá tudo beleza po, temos altos onx masseta pros conselheiros brigarem pra ver quem viaja dentro com o time...

Lembrando que, no Brasileiro, pra onde vamos de onx? Pro Extreitos, pra Joinville pra Curitiba e só né?

Desvio de foco, você vê por aqui!

Foto: É de um grupo de whatsapp. Não sou bandido em não dar o crédito pra esses guri que não trabalham e ficam o dia inteiro mandando mensagem nessa p*, parece até que não tem mulher nem emprego esses baitola!

Continue lendo >>

quarta-feira, 15 de abril de 2015

Noite de alegria na Ressacada

Enfim, uma vitória
Finalmente, após 04 meses o Avaí conseguiu dar uma pequena alegria ao seu torcedor ao vencer o fraco Operário/MT pela primeira fase da Copa do Brasil. O placar de 3x1 pode ter enchido os olhos de quem não entende de futebol ou estava numa depressão danada. Porém, não se enganemos, o Avaí tinha obrigação de já ter eliminado o jogo lá em Várzea Grande, porém não teve competência e precisou do jogo de volta.

O Avaí foi soberano no jogo, logo aos 12 minutos já tinha feito dois gols, mas como sempre, perdeu um pouco o foco e acabou deixando o time matogrossense fazer o gol de honra deles.

Próxima fase
Na próxima fase, como de costume, os times melhoram um pouco, já que na primeira fase são sempre jogos com times desconhecidos e fracos. O Avaí terá seu arqui rival na segunda fase, o Multicolor da Praia do cagão. Será com certeza um jogo mais complicado, porém parece que o Avaí sempre resolve jogar quando enfrenta o rival.

Boatos chegam a Ressacada que o time alvidouradorosado está querendo adiar a partida, dizem que o França tem um compromisso num bar na véspera e uma parte do elenco deles está com caganeira crônica e febre, sintomas da chamada Febre do Créu. Eu acho que o jogo tem que ser na data estipulada, 23 de Abril, até porque eu estarei em Floripa e quero ver esse amontoado de jogador avaiano em campo.


Torcedor fiel
Me surpreendi com o público pagante (quase todos pagantes né?) de ontem na Ressacada, segundo divulgado nos microfones do Estádio tivemos quase 7.000 avaianos nesta terça-feira prestigiando o time. Esse é o momento pro time entrar no eixo, porque com a campanha ridícula do time esse ano, ter 7.000 torcedores no Estádio não é coisa fácil.

Foto: Jamira Furlani Pacheco

Continue lendo >>

terça-feira, 14 de abril de 2015

Um recomeço?

Um novo campeonato
Hoje o Avaí recebe o Operário do Mato Grosso na Ressacada e espera-se comece a jogar futebol de verdade, algo totalmente diferente dessa quizumba que apresentou (ou que não apresentou) no campeonato catarinense.

O primeiro jogo lá em Cuiabá terminou empatado em 0x0, portanto, nas imortais palavras de Galvão "chato pra caralho" Bueno, só a vitória interessa amigo. A Copa do Brasil é um campeonato sério, com times grandes e pequenos, onde todos tem certa chance de cheagr as finais. No entanto, eu não acredito nesse time do Avaí. Um bando de jogador corpo mole, derrubador de treinador, que jogam quando querem. Não vai ser de uma hora pra outra que eles vão jogar bola, o último jogo do Catarinense mostra que o futebol do time do Avaí continua exilado em algum país além mar, por que aqui ele não está!

O time de Kleina
Segundo meu nobre e fofo amigo André Tromponwsky (que agora tem só uma via, já não vai e vem como em outros tempos), Gilson Kleina deve entrar com o seguinte time: Diego; Pablo, Antônio Carlos, Jeci e Eltinho; Renan, Eduardo Neto, Renan Oliveira e Marquinhos; André Lima e Anderson Lopes.


Mercado da bola
O Avaí deve ser o time brasileiro onde mais se especulou esse ano com relação a vinda de jogadores para reforçar o elenco. Acho que até o Messi já foi cotado por aqui esse ano, e olha que ainda estamos em Abril... As duas especulações da vez são Neto Baiano e o capitão Emerson.

Co co vo te dizer pra ti? Acho que o Emerson vir pra cá é uma boa, porque ele é ídolo, tem caráter, não entra nessa onda de jogador cabeça fraca de derrubar treinador e joga muito. Porém, se eu fosse ele, tendo conhecimento da zona que está a administração Nilton Machado, nem pensaria em vir pra cá agora. Já Neto Baiano é uma incógnita, se bem que, num time sem atacantes como o Avaí de hoje, qualquer Saci Pererê é craque...

Novamente eles jogam pra torcida
Essa semana o Avaí começou a passar um vídeo chamando a torcida para o jogo de hoje. No vídeo, com novos personagens, estes, ao que parecem, não foram criados pela avó, chamam o torcedor para o jogo e enaltecem os 300 jogos de Marquinhos.

Estratégia típica do Avaí, jogar a responsabilidade pra cima da torcida, porque em caso de derrota, a culpa é da torcida que não comparece aos jogos... 

Continue lendo >>

  ©Resistência Avaiana - Todos os direitos reservados.

Modificado por MTblogger | Template by Dicas Blogger | Topo